domingo, 5 de junho de 2011

Região do Ouro Verde recebe 35 novos ônibus...

O prefeito de Campinas, Hélio de Oliveira Santos, entregou, nesta quinta-feira, 35 ônibus para a região do Ouro Verde, em evento no Paço Municipal com a participação de autoridades, secretários municipais, empresários e a população. Os ônibus foram adquiridos pela URCA, uma das seis empresas permissionárias do transporte coletivo na cidade. Durante a entrega, o prefeito destacou o compromisso da sua Administração com a qualidade nos serviços de transportes e com a população que mais depende desse serviço. Santos reafirmou que as prioridades no setor são a qualidade no atendimento, a reestruturação nos serviços, com a implantação do bilhete único, e os investimentos em infra-estrutura para as vias periféricas da cidade. A primeira entrega de ônibus do novo Governo simboliza também a rapidez na busca de soluções para os problemas da cidade. Foram apenas seis dias de trabalho da nova Administração, para a chegada da nova frota. Outro ponto importante destacado pelo prefeito foi o fato da frota ser entregue para a região do Ouro Verde. São os bairros mais distantes, do outro lado da Rodovia Anhanguera, que começam a ter mais qualidade no transporte, afirmou. O prefeito lembrou ainda que as vias das regiões do Monte Cristo, Parque Oziel e Satélite Íris também serão priorizadas. Não podemos aceitar que as pessoas que já moram em bairros distantes percam tanto tempo para chegar aos seus destinos, defendeu Santos. Veja os principais temas abordados pelo novo prefeito.
*Aumento da tarifa 
O prefeito reafirmou que não haverá aumento agora, nem nos próximos meses. A proposta da Administração é reestruturar os serviços de transporte público na cidade. Há lugares com muita oferta e outros onde as condições de transporte são precárias. Neste momento, vamos pensar na qualidade do transporte e no atendimento aos usuários.
*Bilhete único  
Santos disse que vai implantar o bilhete único, pois ele é um instrumento importante para reduzir a concentração de renda. Vamos fazer um estudo para reorganizar o sistema e também verificar os impactos da implantação do bilhete único.  
*Itinerários não-pavimentados 
Santos disse que já determinou uma ação conjunta entre a secretaria de Obras e Administrações Regionais, coordenada pela secretária de Transportes, com o apoio das empresas, para solucionar o problemas, numa verdadeira  força-tarefa para minimizar esse problema que atinge, sobretudo, a população que já é penalizada por morar longe e agora, sofre com as chuvas. As vias públicas serão melhoradas, defendeu. *Transportes para deficientes 
Já estamos pensando também no deslocamento das pessoas com baixa mobilidade, idosos e pessoas com deficiência. Campinas precisa facilitar o acesso e o transporte para essas pessoas. Temos também que renovar a frota para esse público, destacou. 

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...