domingo, 25 de setembro de 2011

Como atrair o turista ao asfalto: empresas de ônibus investem em conforto para fidelizar passageiros que experimentam viajar pelos céus

Foto: Fabiana Paiva / Extra
Ana Paula Viana, Andréa Machado e Fabiana Paiva
Valter Ramos tem uma agência de viagens na Rocinha. Único vendedor credenciado da Itapemirim, envia um ônibus todo sábado para Ipu, no Ceará
Cartão fidelidade, sala VIP, passagens promocionais e parcelamento em até dez vezes são as armas usadas pelas empresas rodoviárias para segurar seus atuais clientes e conquistar mais usuários. A nova classe média — que tem experimentado viajar de avião — não abandonou o ônibus em seus passeios país afora, mas, agora, está acompanhada de gente que, até então, sequer viajava pelas estradas brasileiras.
— Uma classe que, no passado, não viaja de forma alguma, agora, passou a andar de ônibus — conta Emílio Mendes, gerente nacional de vendas da Itapemirim, referindo-se às famílias com renda mensal de até quatro salários mínimos (R$ 2.180).
Para fidelizar seus passageiros, assim como fazem as companhias aéreas, o Grupo JCA lançará, no dia 17 de novembro, o programa Conta-Giros. Serão três cartões de crédito das empresas 1001, Cometa e Catarinense.
— Quando o cliente usar o cartão, vai ganhar pontos que poderão ser trocados por passagens — conta Hugo Sandall, gestor do programa, destacando que as passagens compradas pela internet renderão quatro vezes mais pontos.
Na Auto Viação 1001, as passagens podem ser parceladas em até dez vezes sem juros. Outras companhias também parcelam, a maioria em até três vezes sem juros.
Com agências na Rocinha e no Rio das Pedras, a VRM Turismo é um exemplo de que o transporte rodoviário tem fôlego, principalmente para o Nordeste. Segundo Valter Ramos, dono da agência, "as pessoas ainda viajam muito de ônibus, principalmente quando as passagens de avião ficam mais caras, como na alta temporada"
Fonte da Matéria: Jornal Extra
Material jornalístico passível de direitos autorais. Fotos e textos podem pertencer a autores diferentes. Antes de reproduzir por qualquer meio, consulte sobre autorização.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...