quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Produção da Marcopolo cresce no Egito

Resultados do primeiro semestre deste ano também indicam aumento na receita e no lucro da fabricante brasileira de ônibus.
A produção da unidade egípcia da Marcopolo cresceu 97,8% no primeiro semestre deste ano na comparação com o mesmo período de 2012. De acordo com o balanço de resultados do primeiro semestre deste ano divulgada nesta segunda-feira (05), entre janeiro e junho foram produzidos 271 ônibus na planta egípcia, da qual a fabricante gaúcha de ônibus é dona de 49% do negócio. No primeiro semestre de 2012, foram feitos 137 veículos naquela unidade. Apenas no segundo trimestre deste ano, a planta egípcia fabricou 157 ônibus, 84,7% a mais do que as 85 unidades feitas no país do Norte da África no mesmo período de 2012.
Os resultados divulgados pela Marcopolo também indicam que as exportações da empresa somaram 991 unidades no segundo trimestre, uma queda de 14,1% em relação aos 1.153 veículos exportados de abril a junho de 2012. No primeiro semestre, porém, o resultado é positivo: foram exportados 1.749 ônibus, ou 3,4% mais do que as 1.692 unidades embarcadas entre janeiro e junho de 2012.
A empresa afirmou que a desvalorização do real em relação ao dólar será positiva pois irá incentivar a demanda e aumentar a rentabilidade das exportações da Marcopolo. “À medida que os contratos de exportação forem sendo realizados com um dólar mais alto, haverá efeito positivo na receita, margens e no lucro líquido da Companhia”, afirma o comunicado com as perspectivas da fabricante gaúcha de ônibus para 2013.
No primeiro semestre deste ano, a companhia fabricou 9.262 ônibus no Brasil, um aumento de 10% em relação aos seis primeiros meses de 2012, e 982 ônibus no exterior, uma unidade a menos do que entre janeiro e junho de 2012. A empresa, contudo, só contabiliza neste cálculo a produção das unidades do México, Austrália e África do Sul. As plantas do Egito, Índia, Argentina e Colômbia, onde a Marcopolo é sócia de outras companhias, não entram nesta conta.
Lucro e receita maiores
No primeiro semestre, a receita líquida da Marcopolo somou R$ 1,761 bilhão, alta de 12,9% sobre a receita de R$ 1,559 bilhão registrada no mesmo período de 2012. O lucro líquido foi de R$ 74,1 milhões, alta de 22,3% sobre o lucro de R$ 60,6 milhões obtido no primeiro semestre do ano passado. A Marcopolo afirmou no comunicado que mantém suas previsões para 2013: fazer investimentos de R$ 350 milhões, obter uma receita líquida de R$ 3,8 bilhões e produzir no total 21.600 ônibus.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...