quarta-feira, 19 de março de 2014

Curitiba testa BioBUS


Governo do Estado testa ônibus elétrico na linha Curitiba-São José dos Pinhais
O Governo do Estado vai testar ônibus elétrico, o Biobus, na linha não integrada Curitiba-São José dos Pinhais. São dois veículos para o transporte de 700 pessoas ao dia, que operarão temporariamente, sob a responsabilidade da Coordenadoria da Região Metropolitana de Curitiba (Comec). Os primeiros Biobus foram apresentados nesta terça-feira (18) pelo governador Beto Richa, junto com o secretário estadual do Desenvolvimento Urbano, Ratinho Junior, e o superintendente da Comec, Rui Hara. 
O governador explicou que o projeto faz parte de um pacote de medidas para a mobilidade para a Região Metropolitana de Curitiba, que envolve a liberação de recursos para implantação de ciclovias nos municípios, licitação para implantação de faixas exclusivas para ônibus na RMC e recursos para reforma do terminal Cachoeira, de Almirante Tamadaré. 
“O projeto piloto com os ônibus elétricos, de importação inédita no Brasil, faz parte deste conjunto de medidas, porque são mais econômicos e com menos impacto no meio ambiente”, disse o governador. “Mais uma vez o Paraná é vanguarda em mobilidade urbana, com consciência ecológica”, afirmou Richa. 
Os ônibus são de tecnologia chinesa, fabricados pela CSR Times Eletric Vehicle, e importados pela brasileira IFX-Hybbus. A linha vai fazer o trajeto do terminal central de São José dos Pinhais, até o terminal do Guadalupe, em Curitiba e deve entrar em circulação em dez dias. Os veículos percorrerão cerca de 300 quilômetros por dia. Entre os diferenciais dos veículos está a tração 100% elétrica, isto é, não usa combustível para iniciar a locomoção. O funcionamento por diesel só é usado quando ônibus precisa passar dos 40 quilômetros por hora, fazendo assim, uma economia de mais de 50% de combustível e emissão de poluentes. O veículo é isento de baterias de ácido ou lítio, que possuem elevado custo e exigem reciclagem especial. O veículo é silencioso, opera sem solavancos. 
FABRICAÇÃO – Os ônibus serão testados na linha Curitiba-São José dos Pinhais durante seis meses. “Essa iniciativa pode ser uma referência para o País e o projeto piloto é essa linha Curitiba-São José dos Pinhais”, afirmou o secretário Ratinho Junior. Ele explicou que a intenção do Governo do Estado é trazer a indústria chinesa para o Paraná. “Como não existem incentivos fiscais e legislação específica, a importação destes ônibus é muito cara” disse. “Seria interessante para o estado que tivéssemos a fabricação feita aqui, gerando empregos para a população”, disse ele. 
O sócio da IFX Hybbus, Dante Franceschi, explicou que antes de colocar os ônibus na linha de transporte coletivo, a empresa realizou testes operacionais para garantir a qualidade do serviço. “Fizemos testes de setembro de 2013 a fevereiro de 2014 e pudemos comprovar que o BIOBus é realmente uma inovação para proteger o meio ambiente”, afirmou. 
Para o prefeito em exercício de São José dos Pinhais, Antonio Benedito Fenelon, o Biobus trará mais conforto para a população. “Será um privilégio poder usar ônibus como esses”, disse ele.
Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...