quinta-feira, 6 de agosto de 2015

São Paulo tem frota de ônibus de fretamento mais nova do país

Política de limitação do tempo de uso trará mais segurança aos passageiros, segundo a Fresp
O trabalho desenvolvido pela Fresp (Federação das Empresas de Transportes de Passageiros por Fretamento do Estado de São Paulo) de conservação dos veículos de fretamento apresentou resultados que mostram que o Estado de São Paulo tem a menor idade média (7,86 anos) em circulação em todo o país, segundo pesquisa apontada pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Esta política de manutenção ganhou força no início de julho com a regulamentação pelo órgão para até 15 anos de vida útil dos veículos para fretamento em todo o território nacional.
A norma entrará em vigor a partir do dia 06 de agosto e as empresas terão até dez anos para se adequarem na esfera federal. “Esta é uma medida que trará ainda mais segurança ao passageiro, menos emissões e maior valor agregado ao serviço de transporte profissional. Somente no Estado de São Paulo estimamos mais de 20 mil veículos (ônibus, micros e vans) cadastrados para a atividade de fretamento em âmbito metropolitano e intermunicipal”, afirma a diretora executiva da Fresp, Regina Rocha.
Uma das importantes ações da Fresp é informar e orientar seus associados quanto aos cuidados com a frota, mantendo-a mais moderna e segura colaborando, assim, com o meio ambiente e a saúde da população. “Estivemos sempre à frente com as políticas de conservação das frotas e este é um trabalho que temos desenvolvido em conjunto com as empresas de fretamento do Estado”, informa a diretora.
Paralelo a estas ações, a Fresp tem realizado ações para combater, juntamente com os órgãos competentes, o transporte clandestino de passageiros dentro do Estado de São Paulo e, na esfera interestadual e internacional, trabalha para implantar regras que contribuam para o crescimento do verdadeiro turismo.
O Estado de São Paulo possui 1.593 empresas cadastradas na Artesp (Agência Reguladora de Transporte do Estado de São Paulo) e na EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos).
Sobre a Fresp
A Federação das Empresas de Transporte Rodoviário por Fretamento do Estado de São Paulo (Fresp) é uma entidade sindical de grau superior, constituída com o objetivo de agrupar, representar, coordenar, proteger e estimular o aprimoramento das atividades de transporte de passageiros por fretamento. 
Hoje a FRESP é composta por sete sindicatos: SETFRET, SINFRECAR, SINFREPASS, SINFRESAN, SINFRET, SINFREVALLE e TRANSFRETUR espalhados pelo Estado de São Paulo. Os sindicatos juntos congregam mais de 300 empresas de transporte profissional de pessoas por fretamento.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...