quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Ônibus novos para servir aos distritos

Cinco ônibus ano 2008/2009 vão entrar em operação na linha 700 da Viação Autobus, sob intervenção da Prefeitura de Petrópolis. O modelo é eletrônico, com motor mais potente, faz menos barulho e tem selo verde aprovado pelo Inea, mostrando que está dentro da legislação ambiental e é menos poluente. Os veículos estão sendo parametrizados pelo fabricante para terem uma melhor performance de acordo com a topografia da cidade. Dois já foram para a fábrica e os outros três irão amanhã para passar por esse processo. Em seguida os veículos vão receber a identidade visual, o validador para a passagem com cartão eletrônico e serão vistoriados pela Companhia Petropolitana de Trânsito e Transporte (CPTrans). Os ônibus foram alugados de uma empresa do Estado do Rio de Janeiro e vão passar por um teste para verificar o nível de economia. Esse teste vai possibilitar verificar o custo benefício para o aluguel de mais sete ônibus, sendo dois executivos para atuar em direção da localidade Gabi, na divisa entre Posse e Areal.
“Vamos fazer esse teste para verificar a economia que vai proporcionar. Não arriscamos um aluguel que não possamos pagar com o que é arrecadado pela empresa. Estamos numa fase em que trabalhamos com os recursos gerados pelos passageiros. Temos muita dificuldade para alugar veículos mais novos porque as empresas só querem vender. Para comprar seria preciso fazer um financiamento que é, em média, de 36 meses. Além de não termos esse tempo, empresa sob intervenção não pode realizar financiamento ou leasing”, declarou o interventor da Viação Autobus, Seraphin José Claudino. A vinda desses veículos vai possibilitar a retirada de cinco veículos de circulação para que os técnicos da empresa possam realizar uma revisão completa nos ônibus. “Hoje fazemos reparos na oficina, mas não temos como parar um veículo para uma revisão geral por falta de carro. Agora, vamos retirar de cinco em cinco veículos para realizarmos esse trabalho. Os funcionários há três meses começaram a ser treinados para atuar nesse tipo de ônibus eletrônico, até porque precisam estar preparados para serem absorvidos por nova empresa, quando for realizada a licitação que vai proporcionar ônibus novos para a cidade”, disse Claudino.
A Viação Esperança foi a primeira a alugar sete veículos. A medida reduziu o número de quebras diárias de veículos. Para que os veículos não parassem de circular e os pagamentos continuassem em dia, a intervenção nas três empresas de ônibus – Esperança, Autobus e Petrópolis – vai continuar até o fim do processo de licitação. De acordo com a Procuradoria do Município, o edital de abertura de concessão para novas empresas está sendo finalizado, seguindo todas as exigências do Tribunal de Contas. Por conta da mobilização de todos os setores da Prefeitura para atender as necessidades das áreas atingidas pela chuva, inclusive burocráticas, houve um atraso de 15 dias no andamento da preparação do processo.
(Fonte: Arquivos da Gazeta)

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...