sábado, 26 de março de 2011

Amazonino vai às montadoras pedir prioridade para ônibus de Manaus

No Rio Grande do Sul, o prefeito reuniu com representantes das empresas tentando antecipar a entrega dos veíuculos.
Caxias do Sul (RS) - O prefeito Amazonino Mendes reuniu no final da manhã de hoje (25) com a diretoria da montadora Marcopolo para pedir agilidade na produção dos ônibus novos que entrarão em circulação, dentro do programa de reformulação do transporte coletivo em Manaus. Uma das preocupações da montadora foi quanto a garantia do financiamento. O prefeito assegurou que, com a retomada do controle da bilhetagem do sistema pela Prefeitura, as montadoras terão a garantia de receberem pela venda dos ônibus.
Amazonino chegou por volta das 11 horas à sede da Marcopolo em Caxias do Sul, a primeira das duas visitas programadas pelo prefeito no esforço de dotar a partir de 60 dias da publicação do contrato com as empresas vencedoras, o primeiro lote de ônibus novos.
Ele foi recebido pelo diretor comercial Paulo Corso, do coordenador Comercial Jocemário Dartora e do coordenador de Marketing André Oliveira.
Para evitar a inadimplência das nove empresas que entrarão no sistema de transporte coletivo, o prefeito Amazonino Mendes informou aos diretores da montadora que na regulamentação a arrecadação da bilhetagem será dada como garantia de financiamento. Segundo Amazonino Mendes a Prefeitura Municipal de Manaus vai voltar a gerir todo o sistema, o que vinha sendo feito pelo Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo (Sinetran).
Na conversa com os diretores, o prefeito lembrou que o contrato assinado prevê o pagamento de multa e a não cobrança da nova tarifa para as empresas que não cumprirem o cronograma de colocação de ônibus novos no sistema.
“Nós fizemos um contrato em que eles terão cumpri-los integralmente”, afirmou o prefeito de Manaus durante a reunião.
O prefeito Amazonino visitou a linha de montagem da empresa que produz diariamente 33 ônibus ─ 1.000/mês ─ onde conheceu alguns novos modelos que estão sendo produzidos.
Enquanto ele se reunia com os dirigentes da Marcopolo, o superintendente da SMTU (Superintendência Municipal de Transportes Urbanos), Marco Cavalcante, visitou uma outra montadora, a Neobus, onde inspecionou os modelos de ônibus em produção. Um deles é o biarticulado em uma versão mais moderna e que será utilizado no projeto BRT para a Copa.
Segundo o gerente comercial Wagner Nestlehner, o ônibus com 18 metros tem capacidade de transportar 180 passageiros, podendo aumentar a capacidade para 21 metros de comprimento. “O prefeito de Curitiba encomendou 400 ônibus desse modelo”, explicou.
 Além dos ônibus biarticulado, Cavalcante viu modelos do articulado e do ônibus comum denominado “ligeirinho” utilizado como alimentador para os articulados e biarticulados.
 Para o prefeito Amazonino Mendes os modelos apresentados irão mudar o transporte de passageiros em Manaus. “Para chegarmos ao nosso objetivo nós tivemos que vencer inúmeros obstáculos e a população pode ficar certa de que terá ao seu dispor o melhor sistema de transporte de passageiros do Norte”, declarou.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...