sexta-feira, 18 de março de 2011

Novos ônibus não amenizam críticas ao serviço da Circular

Empresa investiu R$ 7 mil às vésperas da publicação do edital do transporte
Desde sábado 30 novos ônibus da Circular transitam pela cidade, mas o investimento de R$ 7 milhões - segundo informou a assessoria - não amenizou as críticas dos usuários quanto a serviço prestado pela empresa.A falta de comprometimento com os horários e a frota restrita são os alvos da maioria das reclamações. Alguns temem ainda que a aquisição de novos veículos as vésperas da publicação do edital que deve por fim ao monopólio da Circular indique que a empresa já esteja certa de que permanecerá atuando no transporte coletivo da cidade.
É o que observa a vendedora Rosângela Casarin. Ela espera que o sistema com duas empresas não demore para ser implementado, mas duvida da idoneidade do processo.
“Não acho que investiriam tanto se não tivessem a certeza de que irão continuar prestando o serviço. Espero que estejam de olho para que isso não vire uma farsa”.
A empregada doméstica Alaíde dos Santos reclama dos constantes atrasos nas rotas da empresa e acredita que com uma segunda empresa, mesmo a outra sendo, de fato, a Circular, já melhoraria a situação. “Os atrasos são constantes e é difícil ter muitas vezes que esperar quase uma hora para conseguir pegar o ônibus cheio na ida ou na volta do trabalho”.
“Você não consegue se programar, pois o ônibus nunca está no ponto quando deveria”, complementa o auxiliar de caixa Maicon Costa.
Publicação do edital segue indefinida
No início do mês a prefeitura anunciou como iminente a publicação do edital para seleção das empresas que atuarão no transporte coletivo local. Contudo, ainda não há qualquer previsão de quando o texto será divulgado no Diário Oficial, muito menos de quando a cidade terá a disposição esse novo sistema.
O texto original foi embargado em dezembro pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) e a prefeitura teve que retificar oito itens. Teoricamente, o edital já estaria pronto para ser publicado, na dependência apenas da determinação do prefeito Mário Bulgareli.
http://www.diariodemarilia.com.br/

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...