sexta-feira, 2 de março de 2012

S.Caetano terá integração entre ônibus e trens

Fabio Munhoz
Do Diário do Grande ABC
A partir de junho, passageiros do sistema de transporte coletivo de São Caetano terão desconto ao fazer baldeação na estação da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) no município. A Câmara aprovou, em primeira votação, projeto de lei do Executivo que autoriza a Prefeitura a celebrar convênio de integração com a empresa ferroviária. Para valer, a proposta tem de ser aprovada em segunda votação, o que deve ocorrer na semana que vem.
Ainda não há definição de quanto será o valor descontado do usuário na transferência. "A tarifa de integração será oficializada por meio de resolução da Secretaria dos Transportes Metropolitanos no momento em que os entendimentos se concretizarem", afirma a CPTM. A companhia adianta, no entanto, que o convênio será nos mesmos moldes dos já assinados em Barueri, Itapevi e Jandira, na Grande São Paulo. Em Barueri, por exemplo, o usuário que embarcar nos dois sistemas usando o cartão local, chamado de Benfácil Barueri, tem custo de R$ 4,40, sendo R$ 2,90 do ônibus e mais R$ 1,50 do trem. Dessa forma, o desconto ao passageiro é de 25,4%. Sem a integração, o gasto seria de R$ 5,90.
Mesmo sem definição de valores, o relator do projeto na Câmara, vereador Fábio Palácio (PR), estima que o percentual deve ser próximo ao que é oferecido em Barueri. A expectativa do parlamentar é de que a matéria seja aprovada sem problemas na sessão de terça-feira.
O secretário de Mobilidade Urbana de São Caetano, Iliomar Darronqui, espera que a definição da tarifa e dos subsídios aplicados pelo poder público ocorra ainda neste mês. Darronqui garante que a Prefeitura não terá gastos. O cronograma prevê que a instalação das novas catracas seja feita entre abril e maio e, em seguida, começaria a fase de testes. O início da operação está previsto para junho. "Isso vai facilitar muito a vida do usuário, que vai poder fazer a viagem toda com apenas um cartão. Sem falar, claro, na economia", avalia.
De acordo com o secretário, a proposta de convênio prevê ainda a reconstrução do terminal rodoferroviário. O motivo da futura obra é a readequação da estação para a passagem do Expresso ABC, que tem previsão para entrar em operação em 2015. Darronqui informa que todo o dinheiro investido na reforma será aplicado pela CPTM. Está prevista também a construção de bicicletário com acesso tanto pelo Centro quanto pelo bairro Fundação.
Outras cidades
A CPTM informa que está em tratativas para a criação de integrações tarifárias em outras cidades da região, mas que, no momento, não há encaminhamentos para adoção do sistema.
Cartão BOM será aceito na região até a metade do ano
Até junho, as catracas da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) das três maiores estações da região deverão começar a aceitar os cartões BOM (Bilhete de Ônibus Metropolitano). Inicialmente, a novidade está prevista para funcionar nos terminais centrais de São Caetano, Santo André e Mauá. A estimativa é de que, até o fim do ano, todas as estações da Grande São Paulo contem com os leitores adaptados.
Apesar da facilidade, o projeto, chamado de BOM nos Trilhos, oferece apenas a integração física, sem desconto na tarifa. Por enquanto, a única exceção é a Estação Grajaú, na Zona Sul da Capital, que dá acesso à Linha 9-Esmeralda da CPTM, com destino a Osasco. A primeira estação a aceitar o cartão, emitido pela EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) foi a Barra Funda. Em dezembro do ano passado, o BOM começou a ser aceito nos trólebus do Corredor ABD, operados pela empresa Metra e que ligam São Mateus ao Jabaquara, na Capital.
Fonte Da Matéria: http://www.dgabc.com.br/

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...