segunda-feira, 21 de maio de 2012

Trecho da Transoeste será inaugurado dentro de um mês

O corredor expresso para ônibus articulados faz parte da estratégia da prefeitura do Rio na redução do trânsito na Copa de 2014 e nas Olimpíadas de 2016
Ônibus articulados, conhecidos como ligeirões, são testados em trechos da Transoeste (Marcos MIchael)
Uma série de corredores expressos para a circulação exclusiva de ônibus está sendo construída na cidade do Rio com o objetivo de facilitar a locomoção da população durante a Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016. No caso do Bus Rapid Transit (BRT) da Transoeste, que ligará a Barra da Tijuca a Santa Cruz e Campo Grando, todos bairros da zona oeste carioca, a fase de testes está a todo o vapor. No trecho da Barra da Tijuca e do Recreio, onde, de fato, as obras estão em fase final, acontecem as simulações envolvendo os ônibus, também conhecidos como ligeirões. Em Santa Cruz e Campo Grande, no entanto, ainda é necessário avançar na construção de plataformas e na duplicação das pistas para cumprir prazos.
A estimativa é de que o trecho que ligará a Barra da Tijuca a Santa Cruz comece a funcionar em junho. A conexão Barra e Campo Grande deve ficar pronta até o mês de agosto. Desde março deste ano, a prefeitura começou a testar o novo sistema. Primeiro, os operadores iniciaram o treinamento dos motoristas. Para dirigir os ligeirões, não basta estar acostumado com os ônibus comuns. Os procedimentos para chegar à estação, parar o veículo, abrir a porta são diferentes. Segundo o código de trânsito, o motorista do ligeirão pertence a uma categoria superior a de um ônibus comum, o que torna necessário uma requalificação no DETRAN para a retirada de nova habilitação.
Alguns cenários são testados no BRT, como caso de uma pane em um ônibus articulado. Nesse caso, é preciso, antes de ser ativada a nova pista expressa, saber como se dará a retirada do veículo e como os outros conseguirão ultrapassar. Os técnicos cronometram o tempo das simulações para medir quanto demoraria para o ligeirão ser retirado da via.
As estimativas da secretaria municipal de Transporte é de que, com o BRT, o tempo de viagem entre Santa Cruz e Barra da Tijuca seja de uma hora. Atualmente, o trajeto é feito em aproximadamente 2h30 nos horários de pico. Os ônibus especiais levarão cerca 140 passageiros, enquanto os comuns têm capacidade para cerca de 60.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...