segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Karaoke do busão

Foi só o rapaz entrar com o violão no biarticulado Santa Cândida-Capão Raso que logo em seguida ele soltou a voz. Começou com algumas músicas sertanejas e depois escolheu uma daquelas que todo mundo canta: É Preciso Saber Viver, composta por Roberto e Erasmo Carlos, que também foi gravada pelos Titãs. E foi bem isso que aconteceu. Primeiro o rapaz que estava mais pra trás começou a cantar, aí o que estava na frente e assim metade do ônibus estava fazendo o coro no refrão. 
Terminada a cantoria, foi a hora de “vender o peixe”. Ele disse que se apresenta com o objetivo de arrecadar dinheiro pra gravar seu CD e que por isso era perseguido pelos fiscais da Urbs. “Outro dia estava cantando e vi um rapaz correndo, achei que era um fã, mas não, era um fiscal. Agradeci o pessoal que cantava comigo, recolhi as moedas e fui embora”, contou antes de descer na Praça do Japão. O próximo show seria no ônibus que ia até o terminal do Pinheirinho... Quem presenciou a cena foi meu pai, só esqueci de perguntar se ele cantou também! 
Oi profe! 
Horário de saída de escola e sempre tem aquela muvuca no ônibus. Vez ou outra um professor está no meio, acho que não muito contente por reencontrar os alunos fora da sala de aula, mas mesmo assim sem perder a oportunidade de dar um puxão de orelha. Foi assim enquanto a professora passava pela catraca do ônibus e os estudantes iam logo atrás dela: 
- Oi professora. 
- Oi nada, já terminou meu horário, tchau pra vocês. 
Nesse meio tempo alguém solta um palavrão. “Ai meu **”, gritou um dos estudantes, enquanto outro engraçadinho emendou: 
- Oh, professora, me explica a matéria que eu não entendi. 
- Explica você a falta de educação, que eu acabei de ouvir um palavrão.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...