quinta-feira, 27 de junho de 2013

Novas regras de segurança podem reduzir 30% da capacidade de passageiros em ônibus no Japão

Com a redução de passageiros, quase metade das empresas irão abandonar o ramo de viagens.
Japãoipcdigital.com e agências
As novas regras de segurança a serem introduzidas em agosto para operadores de ônibus de longa distância pode reduzir em 20-30% a capacidade de assentos dos veículos utilizado para tais serviços , segundo informações do The Nikkei, nesta quinta-feira.
Estima-se que quase metade das empresas que prestam serviços de longa distância, provavelmente, irão abandonar o ramo de viagens, devido à mudança.
No final de julho, o Ministério dos Transportes vai proibir serviços de ônibus-tour de longa distância, em resposta a um acidente na Kanetsu Expressway que custou sete vidas, em abril de 2012. Em vez disso, o ministério irá integrar este tipo de serviço em um novo sistema a partir de agosto em ônibus expressos.
Operadores de ônibus que atendam a determinados padrões de segurança serão autorizados a operar serviços de longa distância sob este sistema. A mudança vai afetar principalmente as empresas que terceirizam seus serviços para operadores de ônibus fretados que cobram baixas tarifas.
De acordo com o ministério, houve 228 operadores de ônibus fretados a partir do final de setembro do ano passado. Dessas empresas, até agora apenas 111 foram aprovadas com a aplicação das novas regras, principalmente porque continuam seus serviços que exigiria a contratação de mais motoristas e conhecer a fundo os regulamentos criado.
Não se espera que a demanda de passageiros seja um problema durante os períodos fora da alta temporada, mas os operadores de ônibus podem ter dificuldade em garantir capacidade suficiente durante esses períodos de maior movimento, como nas férias de maio, agosto e os feriados do Ano Novo.

De acordo com uma estimativa da indústria e operadores de turismo, os ônibus tinham a capacidade para atender e acomodar mais de 300 mil passageiros durante a temporada de férias de verão no ano passado, e com quase todos os lugares vendidos.



Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...