sábado, 3 de agosto de 2013

Novos ônibus de Sto.André começam a circular hoje

Fábio Munhoz
Do Diário do Grande ABC
Marina Brandão/DGABC
Serão colocados em circulação hoje 75 novos ônibus que irão atender a 12 linhas municipais de Santo André. Todos os coletivos são zero-quilômetro e adaptados para o transporte de deficientes físicos. O prefeito Carlos Grana (PT) fará a entrega às 11h no Paço Municipal.
Com a renovação, a cidade passará a ter 50% da frota com acessibilidade. Ao todo, o município conta com 404 veículos para o transporte público. Dos novos ônibus, 50 são do tamanho convencional, com cerca de 13 metros, e 15 têm medidas intermediárias – cerca de 11 metros.
Todos os coletivos serão utilizados pelo consórcio União Santo André, que opera 33 itinerários. Não há previsão de renovação da frota da operadora do lote 2, a Expresso Guarará. “Essa empresa vem progressivamente fazendo a modernização e substituição dos ônibus, mas não tenho o cronograma para este ano”, diz o gerente-geral da Aesa (Associação das Empresas do Sistema de Transporte de Santo André), Luiz Marcondes de Freitas Júnior.
O diretor da SATrans, Leandro Petrin, explica que os carros serão colocados nos trajetos que não ofereciam veículos acessíveis. A frota será colocada nas linhas I-02 (Cidade São Jorge/Ana Maria), T-12 (Alzira Franco/Centro), T-14 (Ana Maria/Centro), T-15 (Mário Covas/estação central), T-16 (João Ramalho/Ipiranguinha), T-17 (Alvorada/estação central), T-23 (São Jorge/estação central), T-27 (Condomínio Maracanã/estação central), T-27 (Vila Suíça/estação central), U-22 (Capuava/estação central), B-11 (Paraíso/Vila Guiomar) e B-21 (São Jorge/Campestre).
“Os ônibus são mais confortáveis para os usuários, já que possuem encostos mais longos e fazem menos barulho”, comenta Petrin. Segundo ele, os coletivos são equipados com motor cuja tecnologia permite a redução de 80% na emissão de materiais particulados ao ar e 63% de óxidos de nitrogênio. Outra vantagem, comenta o diretor da empresa gestora do transporte municipal, é que no interior das carrocerias há mais espaços nos assentos preferenciais para gestantes, deficientes, idosos e pessoas com crianças de colo. Também serão utilizados rastreadores por GPS para monitorar as viagens feitas pelos motoristas.
As empresas municipais de Santo André transportam mensalmente cerca de 5,2 milhões de passageiros, o que equivale a 173 mil viagens por dia, aproximadamente.
Bilhete Único começa a funcionar como cartão de crédito pré-pago
O Bilhete Único Andreense começou a funcionar nesta semana como cartão de crédito pré-pago. O recurso é oferecido por meio de parceria da Aesa (Associação das Empresas do Sistema de Transporte de Santo André) com a MasterCard e a empresa Super – que executa a parte operacional.
Apesar da inovação, ainda não é possível recarregar o Bilhete Único pela internet, o que deverá começar a ser disponibilizado nos próximos meses. O vice-presidente de novos negócios da MasterCard, Alexandre Magnani, explica que o cartão pode ser usado mesmo por quem não tem conta bancária. “O objetivo é oferecer facilidade para quem ainda utiliza o papel moeda”, comenta. A recarga pode ser feita pelo site www.contasuper.com.br ou ainda por boleto bancário e depósito.
Passageiros que já têm o Bilhete Único comum não conseguem utilizar o recurso. Para isso, precisam solicitar o novo cartão. O vice-presidente de marketing da Super, Luiz Almeida, estima que cerca de 250 mil pessoas utilizem o sistema na cidade.
O gerente-geral da Aesa, Luiz Marcondes de Freitas Júnior, afirma que a recarga do tíquete pela internet só deverá ser disponibilizada depois de o sistema ser totalmente implantado e a substituição do UrbanPass, concluída, o que deve ocorrer até o fim do ano. 

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...