sexta-feira, 28 de março de 2014

Três Rios ganha fábrica de ônibus...

Governo do Estado do Rio
Novo: Ônibus articulado da Neobus nas ruas de Três Rios
Foi inaugurada em Três Rios, na Região Centro-Sul do Estado, a fábrica de ônibus gaúcha Neobus. Com investimentos de R$ 100 milhões, a empresa anunciou que pretende expandir sua área de atuação nos próximos anos. Até 2016, a expectativa é que as atividades da empresa sejam transferidas de Caxias do Sul (RS) para o município fluminense, elevando as vagas geradas agora, de 1.200 empregos, para 2.500.
Com a entrada em operação da nova fábrica, o Estado do Rio de Janeiro deu mais um passo para se consolidar como o novo polo automotivo do país. Estão instaladas no estado a Man (produtora de caminhões e ônibus da Volkswagen), em Resende; a PSA Peugeot Citroen, em Porto Real; e a Marcopolo/Ciferal, em Xerém. Em breve a Nissan inicia as operações em sua unidade, também em Resende, e em 2015 a Jaguar Land Rover inaugura sua fábrica em Itatiaia.
O governador Sérgio Cabral participou da cerimônia e fez questão de fazer um tour na nova fábrica. Cabral lembrou que o município de Três Rios, na Região Centro-Sul do Estado, é um celeiro de indústria, de empreendedores e de empreendimentos. O governador elogiou também a qualidade de produção da Neobus e enfatizou que a empresa vai produzir equipamentos para melhorar a mobilidade no Rio.
- O presidente da Neobus, Edson Tomiello, disse que hoje o Rio ocupa o segundo lugar no mercado da América Latina na produção destes veículos, perdemos apenas para São Paulo. Já estamos na frente de Santiago, Bogotá e Buenos Aires - afirmou o governador Sérgio Cabral.

A empresa

A história da Neobus começou em 1991, com a produção de componentes para a indústria automotiva. Em 2000, a empresa passou a se dedicar, de forma integral, ao desenvolvimento de veículos para transporte de passageiros, iniciando com a produção do micro-ônibus Thunder+: um produto diferenciado e estruturado para o trânsito pesado.
No ano de 2002, lançou o Spectrum, um veículo que representou não apenas uma nova alternativa ao mercado, mas a inauguração de uma nova categoria. Isso se justifica pelo fato de o modelo passar dos 9 metros, onde praticamente termina o micro-ônibus, e chegar aos 11 metros, medida a partir da qual começa um o ônibus convencional. Assim, garantiu seu espaço no mercado.
A Neobus continuou trabalhando e, em 2004, apresentou outro ônibus inédito: o Thunder Plus, um micro-ônibus com a porta avançada sobre o eixo dianteiro, que, sendo assim, possibilita a acomodação de mais seis passageiros.
Em 2006 e 2008, a organização atuou fortemente nos modelos direcionados ao fretamento, como a linha Spectrum Road e Spectrum Class, que representam soluções para um segmento que cresce a cada ano, em virtude dos benefícios que são oferecidos pelas empresas aos seus colaboradores.
Dois anos após, em 2010, a Neobus antecipou as expectativas do mercado, apresentando o Mega BRT, um ônibus pensado e idealizado para suprir as grandes demandas do transporte coletivo, incluindo as que irão acontecer durante a Copa do Mundo 2014 e as Olimpíadas 2016. Contudo, o Mega BRT será uma solução permanente, mesmo depois da passagem dos grandes eventos. Vale lembrar que esse modelo é direcionado para atuar em vias segregadas e, na época, conquistou o título de maior ônibus do mundo.
No decorrer de 2012, a empresa apresentou a sua Primeira Série de Rodoviários, composta por veículos diferenciados em design, que agregam conforto e segurança. O New Road N10, como é conhecido o rodoviário da Neobus, foi projetado para todos: para quem vê, para quem conduz, para quem dá manutenção, para quem anda e para quem compra.
Atualmente, a Neobus possui mais de 2.000 colaboradores, em três parques fabris: um em Caxias do Sul, de 500 mil m², com 52 mil m² de área construída; um em Três Rios - RJ, com área total de 140.000 m² e área construída de 19.643,61 m²; e outro no México, com 20.000 m2.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...