domingo, 25 de maio de 2014

Piracicaba testa ônibus 100% elétrico

Foto: Pedro Negrão/Jornal Cruzeiro do Sul
iG Paulista
Ônibus teste movido a bateria circulou em Sorocaba em março deste ano; ele é 100% elétrico e não é poluente
A empresa Via Ágil, responsável pelo transporte coletivo em Piracicaba, começou a testar nas ruas da cidade um ônibus 100% elétrico da empresa chinesa BYD.
O veículo está circulando em alguns horários do dia, não está recebendo passageiros e como já foi visto por algumas pessoas, chamou a atenção, principalmente pelo fato de ser 100% elétrico e não poluente.
A Gazeta apurou que os testes tiveram início na quarta-feira (21). Ontem, o veículo também foi visualizado nas ruas da cidade, mas foi recolhido por volta das 17h.
De acordo com um representante da Via Ágil, técnicos e mecânicos estão circulando com o motorista para avaliar o rendimento do veículo.
O prefeito Gabriel Ferrato disse que o teste irá verificar o rendimento do ônibus elétrico com o tipo de pavimentação da cidade e o relevo.
"É um tipo de veículo que não tem condições de passar por determinados locais, porque tem um poder menor de arranque", comentou.
Antes de passar por Piracicaba, esse mesmo ônibus teria sido testado em Sorocaba.
O Jornal Cruzeiro do Sul registrou o início do teste nas ruas daquele município, em março. A reportagem de Lucas Spirim informou que a montadora chinesa já enviou este modelo elétrico para outras cidades, como São Paulo, Salvador e Brasília. 
Entre as vantagens deste ônibus em relação aos tradicionais a combustão é que ele não emite poluentes, é silencioso e funciona a bateria. 
De acordo com a página da montadora chinesa nas redes sociais, a empresa prevê investir US$ 100 milhões para instalar uma fábrica de ônibus elétricos em uma cidade do interior de São Paulo.
O objetivo é produzir quatro mil unidades desse veículo por ano e a cidade escolhida deverá estar localizada a uma distância de 130 quilômetros da capital, que pode ficar entre a região de Campinas e do Vale da Paraíba.
Outra informação do site é a possibilidade da BYD adquirir uma fábrica já existente.
O anúncio da fábrica deverá ser feito em agosto para produção do modelo K9, com autonomia de 250 quilômetros, a partir de 2015 ou 2016.
Testes
O ônibus elétrico não será incorporado à frota de veículos da Via Ágil, que atualmente opera com 239 veículos, incluindo os do projeto Elevar. Segundo a empresa, já foram adquiridos 50 novos ônibus.
"Como a empresa é nova, assumiu recentemente a operacionalização do transporte coletivo de Piracicaba, muitas empresas enviam ônibus para serem testados. Elas querem vender, mas já compramos 50 novos", disse um representante da empresa.
O ônibus elétrico é o primeiro a ser testado. "Outras empresas deverão enviar veículos com outros combustíveis alternativos. Esse ônibus elétrico está na empresa há alguns dias e só agora os testes foram iniciados", afirmou.
Segundo ele, a princípio o ônibus não transportará passageiros e não circulará todos os dias. "Como estamos implantando novo sistema, as atenções estão voltadas para os novos serviços. Os testes vão ajudar a avaliar, inclusive os custos com esse ônibus elétrico".
Segundo o site da empresa, a bateria, para o ônibus elétrico ter autonomia de 250 quilômetros precisa de uma recarga de cinco horas.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...