quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

MARCOPOLO VENDE 80 ÔNIBUS RODOVIÁRIOS PARA EMPRESAS DE TRANSPORTE DO EQUADOR

Esta é uma das maiores vendas já realizadas para o mercado equatoriano
A Marcopolo fornecerá 80 ônibus rodoviários dos modelos Paradiso 1800 Double Decker e Viaggio 1050 para as operadoras de transporte do Equador, Cooperativa de Transportes Ecuador, Cooperativa Viajeros e Cooperativa Loja. Os veículos, com diferentes configurações, serão utilizados em serviços de transporte de passageiros com alcance interestadual, caso dos Viaggio 1050, e nacional, por intermédio dos Paradiso 1800 DD. 
Segundo Ricardo Portolan, gerente de operações comerciais para o mercado externo da Marcopolo, o segmento equatoriano de ônibus é bem diferente dos outros países da América Latina. “Cerca de 95% das empresas de transporte rodoviário do país são cooperativas, nas quais cada sócio tem um veículo. No Brasil, só temos este modelo empresarial no segmento urbano. O mercado de ônibus no Equador esta em franco desenvolvimento e apresenta forte concorrência, tanto de encarroçadoras locais (mais de 20 fabricantes nacionais) quanto de empresas internacionais. Fizemos um grande trabalho para conquistar esses clientes e isso só reforça a estratégia da Marcopolo de encontrar as melhores soluções para atender cada cliente”, explica o executivo.
No mercado equatoriano, as cooperativas se dividem em basicamente dois perfis organizacionais: Transporte Interprovincial (de 50 a 300 quilômetros), que utiliza veículos com chassi de motor dianteiro e carrocerias nacionais, e Transporte Nacional, composto por veículos de motor traseiro e carroceria importada.
A grande competitividade do setor de transporte rodoviário de passageiros, com rotas de diferentes níveis de demanda de veículos, fez com que a segmentação de produtos fosse um caminho adequado para o desenvolvimento das cooperativas no país. Este cenário despertou o interesse de algumas cooperativas em adquirir veículos maiores e diferenciados para atender a um maior número de passageiros, com mais conforto e sem aumentar o custo operacional. A venda dos modelos Paradiso DD para a Cooperativa Ecuador é a maior renovação de veículos realizada por uma empresa local e o objetivo é substituir 100% da frota atual, revela Portolan.
A Cooperativa de Transportes Ecuador adquiriu 54 unidades do modelo Paradiso 1800 DD equipado com chassi Scania K 410. Com 14 metros de comprimento, o veículo tem capacidade para transportar 44 passageiros no piso superior e 16 no inferior em poltronas semileito de 1.060 mm de largura com revestimentos em couro ecológico. Possui ainda janelas com vidros colados, aquecedor de líquidos, monitores de teto de 15,4 polegadas, ar-condicionado Spheros CC430 ES (frio/calor), sistema Multiplex, câmera de ré, itinerário eletrônico frontal e sanitário com mictório.
Para a Cooperativa Viajeiros, a Marcopolo irá fornecer seis unidades do Viaggio 1050 equipados com chassi Mercedes-Benz O500 RS 1836 e 13,10 metros de comprimento. O modelo destinado a viagens de média distância e serviço de fretamento possui 42 poltronas semileito de 1.060 mm de largura, camarote para motorista auxiliar, janelas com vidro colado, sanitário, sistema Multiplex, ar-condicionado Spheros CC355 com calefação, monitores de teto de 15,4 polegadas e tanque de combustível de plástico de 500 litros.
Equipados com chassi Scania K 360B 4x2 (9 unidades) e Mercedes Benz O500 RS 1836 (11 unidades), os 20 ônibus do modelo Marcopolo Viaggio 1050 adquiridos pela Cooperativa Loja possuem camarote para motorista auxiliar, janelas de vidro coladas, sistema Multiplex e itinerário frontal. Com 13.100 mm de comprimento, o veículo conta ainda com 42 poltronas semileito, tanque de combustível de plástico com 500 litros, sanitário, ar-condicionado Spheros CC355 com calefação, monitores de teto de 15,4 polegadas e aquecedor de líquidos. 
Crédito das fotos: Marina Bueno

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...