quarta-feira, 11 de março de 2015

Quinze ônibus zero quilômetro chegam a Campos nesta terça

Quinze ônibus zero quilômetro do novo sistema de transporte coletivo chegaram a Campos nesta terça-feira (10). São 2 ônibus da empresa Turisguá e 13 da São Salvador, que juntamente com as empresas Cordeiro e Siqueira, formam o consórcio União, conforme o processo 001/2013 da licitação do transporte coletivo, concluído no final de 2014. Os ônibus do consórcio União são na cor amarela. 
Na primeira quinzena de fevereiro chegaram 28 ônibus do Consórcio Planície, formado pelas empresas São João e Jacarandá, cujos ônibus são na cor verde. As linhas do lote 3 da licitação vão ser operadas pela Empresa Rogil, cujos ônibus terão a cor no padrão azul.
O presidente do Fundecam, Otávio Amaral, informa que os veículos deste lote de 15 veículos da Turisguá fazem parte do total de 85 ônibus zero quilômetro, com acessibilidade, com linha especial de financiamento do Fundecam. 
Ele lembra que o primeiro lote da Viação São João foi adquirido através de financiamento com instituição bancária da rede privada em Campos. “Teremos ainda no decorrer de março e abril a chegada de mais 30 ônibus da Viação São Salvador e mais 30 da Viação Siqueira, como parte integrante do total financiado com aporte do Fundecam”, informa Otávio Amaral.
No Instituto Municipal de Trânsito e Transportes (IMTT), a previsão é que até meados de abril mais ônibus cheguem para reforçar a nova frota que contará com mais de 300 ônibus. Ao todo, até o final de 2015, serão 385 novos ônibus operando o novo sistema com os consórcios. 
- Os novos ônibus contam com acessibilidade (plataformas hidráulicas para entrada de cadeirantes) e 35% serão dotados de ar condicionado -, informa o presidente do IMTT, Álvaro Oliveira.
Passagem social - Álvaro enfatiza que, com o Programa Cartão Campos Cidadão, que instituiu a passagem social a R$ 1,00 cerca de 300 mil pessoas são beneficiadas. Ele destaca que a bilhetagem saltou de 1,8 milhão de passageiros por mês para 3 milhões por mês. Além de proporcionar mais conforto e agilidade, os novos veículos geram economia e ainda implica na redução da idade média dos ônibus, que passou de 11,8 anos para 5,6 anos de uso. 
O presidente do IMTT informa ainda que no período compreendido de 2009 a 2014 as empresas de ônibus receberam mais de R$ 190 milhões de subsídio da Prefeitura de Campos. Somente em 2014, foram repassados R$ 22 milhões. Ele ressalta que nestes valores não estão incluídos o faturamento das empresas com a cobrança da passagem no valor de R$ 1 no ato que os passageiros embarcaram nos ônibus.
Por: Jualmir Delfino - Foto: Roberto Joia

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...