domingo, 30 de janeiro de 2011

Garagem simboliza a derrocada

Área da Mito, de 22 mil metros quadrados, será leiloada no próximo dia 22 pelo valor mínimo de R$ 11 milhões
Se há um símbolo da derrocada da Mito Turismo e da Transportes e Turismo Eroles, esse símbolo é a garagem de 22 mil metros quadrados, localizada no Jardim Santista, que irá a leilão no próximo dia 22, em São Paulo, pelo valor mínimo de R$ 11 milhões. O local, que já chegou a receber quase mil ônibus, hoje está abandonado e com o mato cada vez maior. Aliás, os terrenos pertencentes à empresa Eroles também estão nesta situação. Em um deles, com entrada para a avenida Maria Osório do Vale, há uma carcaça de ônibus quebrada. Já na rua Ipiranga, o que predomina é o lixo.
O leilão do próximo dia 22 será realizado pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 2º região e envolverá cinco lotes do total da área. Estes estão avaliados em R$ 16,9 milhões. O que for arrecadado no leilão servirá para quitar as dívidas trabalhistas estimadas em R$ 13 milhões. Esta será a terceira vez que os imóveis vão a leilão. Em 2009, os terrenos foram leiloados pela primeira vez. O empresário Robertal Bocz chegou a oferecer R$ 22 milhões, montante maior do que a avaliação do local, mas o valor não chegou a ser depositado. Em outro, nenhum interessado apresentou propostas.
Quando o monopólio caiu, em 2004, a Eroles permaneceria, por meio de licitação, mas com a empresa Mito Turismo no lugar, com 50% das linhas municipais. Acontece que a precariedade dos serviços da Eroles em seus últimos anos não foi sanada pela Mito. Estava para começar a principal crise do transporte mogiano. Os ônibus viviam quebrados. Não havia mais horários nas linhas da concessionária. "Se não houvesse esse período de crise não teríamos ficado só em 99% das linhas integradas. Teríamos conseguido a integração com os trens. Nós não podíamos rescindir o contrato sem estarmos calçados juridicamente", explicou o ex-secretário de Transportes Nobuo Aoki Xiol. " Se não tivéssemos duas empresas, teriamos problemas mais graves".

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...