terça-feira, 18 de outubro de 2011

Governo Federal confirma construção de 11 terminais de integração de ônibus na RMBH

Objetivo é organizar as linhas intermunicipais
No Bairro Eldorado, os passageiros dos ônibus podem usar o metrô sem pagar outra passagem.
A presidente Dilma Rousseff confirmou nessa segunda-feira a construção de 11 terminais de integração de ônibus para a Região Metropolitana de Belo Horizonte e reforçou a importância da melhoria do transporte público como solução para evitar caos nas grandes cidades. Anunciados no início de setembro como obras complementares ao projeto do metrô da capital mineiras, as novas opções para embarque e desembarque de passageiros nos municípios vizinhos continuam bem cotadas no Palácio do Planalto, como opção para aqueles lugares onde o metrô não poderá ser estendido. Durante o programa semanal Café com a presidenta, quando perguntada se outras alternativas receberiam apoio da União, Dilma reforçou a importância de investir em pontos de ligação entre os transportes públicos para criar opções para os usuários e evitar que o transito se torne cada vez mais complicado. 
Os novos terminais serão construídos nos municípios vizinhos da capital, com objetivo de organizar as linhas intermunicipais e garantir mais conforto para os usuários. No entanto, as prefeituras incluídas nos projetos firmados com as parcerias entre os governos federal e estadual ainda esperam por definições sobre o cronograma das obras e, em alguns casos, até a localização dos pontos de acesso para passageiros do transporte coletivo. “Ainda estamos esperando por mais detalhes sobre estes projetos. São obras que ajudarão bastante a fluidez do transito no município, principalmente para o deslocamento das pessoas que trabalham em BH”, cobrou Maurílio Laureano, secretário de Transportes de Ribeirão das Neves, município que deverá ter dois terminais. 
Entre os 11 novos postos de integração para ônibus metropolitanos estão previstos três para Contagem, dois para Ribeirão das Neves e Santa Luzia e um para os municípios de Vespasiano, Ibirité, Sabará e Sarzedo. O valor total das obras está estimado em R$ 164 milhões, mas o montante pode ser alterado porque alguns projetos ainda não foram finalizados. Segundo a Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop), poderão acontecer ajustes no número de terminais construídos. Em Vespasiano, o edital está em fase de elaboração, porém, o projeto que vai atender ônibus municipais e intermunicipais e prevê a construção de galerias para exposições, ainda aguarda aprovação. 
Polêmica – Em Contagem, onde foram anunciados terminais que serão construídos nos bairros Amazonas, Nova Contagem e Ressaca, o uso dos recursos federais ainda causa polêmica e desagrada à administração local. Isso porque a principal demanda da cidade junto ao PAC da Mobilidade era pela construção de um terminal intermodal, que ligaria o metrô às estações de ônibus municipais e intermunicipais, projeto que não foi incluído no programa.
“Esse terminal evitaria que muitas linhas de ônibus fizessem o trajeto de Contagem e das regiões vizinhas até o Centro de BH. Os usuários desembarcariam no terminal e seguiriam de metrô. Era essa nossa principal opção para melhorar o transporte do setor oeste da Região Metropolitana. Nesta semana vamos levar novamente a proposta até Brasília, pois caso ela seja deixado de lado, a situação no transito da cidade não será resolvido”, avisa Hermíton Quirino, presidente da Transcon.

*Onde serão instalados

Contagem(3):
Bairro Amazonas, Av. Vila Rica
Bairro Nova Contagem, Próximo à MG-472
Bairro Ressaca – endereço a definir

Ribeirão da Neves (2):
Bairro Jardim Colonial, próximo à BR-040
Bairro Justinópolis, próximo à Av. Canadá

Santa Luzia (2):
Bairro São Benedito – endereço a definir
Bairro Santa Rita – endereço a definir

Vespasiano(1):
Prolongamento da Av. Prefeito Sebastião Fernandes, Bairro Centro

Sabará(1), Sarzedo (1) e Ibirité (1) – endereço a definir

Fonte da Matéria: http://www.em.com.br/
Material jornalístico passível de direitos autorais. Fotos e textos podem pertencer a autores diferentes. Antes de reproduzir por qualquer meio, consulte sobre autorização.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...