sexta-feira, 1 de junho de 2012

Ônibus do Rio+20 são inspecionados em Barra Mansa

Barra Mansa
Os ônibus que farão parte da comitiva da Rio+20 foram inspecionados nesta quarta-feira (30), em Barra Mansa. Cada veículo atuará com um inovador sistema que une diesel e GNV, e reduz pela metade o custo do combustível. A parceira entre a Volkswagen e a Civic Inspeção Veicular colocará no cenário do evento, Rio de Janeiro, os primeiros ônibus neste modelo sustentável.
- Ficamos muito contentes em fazer parte desse processo de avaliação. Os veículos estão altamente aptos a rodarem. No entanto, o novo sistema ainda não está disponível para carros convencionais. A expectativa é de que em breve todos os veículos possam optar pelo modelo GNV + diesel - adiantou o diretor da Civic, Leonardo Bueno.
As secretarias de Estado de Transportes e de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços, juntamente com a Ceg (Companhia Distribuidora de Gás do Rio de Janeiro), Man Latin America e Robert Bosch América Latina, apresentaram no dia 10 de maio, ao governador do estado do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMBD), o protótipo Volksbus com tecnologia inovadora flex GNV+ Diesel.
O desenvolvimento faz parte do Programa Rio Transporte Sustentável, que busca garantir à capital fluminense e região um transporte mais eficiente e sustentável para a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016.
O protótipo foi desenvolvido com tecnologia nacional pela MAN Latin America, fabricante dos caminhões e ônibus Volkswagen, juntamente com a Robert Bosch América Latina. Os três primeiros veículos foram inspecionados pela empresa Civic, em Barra Mansa.
O veículo atende perfeitamente as características para operação de transporte coletivo urbano - possui motor traseiro de seis cilindros e 17 toneladas de peso bruto total. Este é o primeiro ônibus com tecnologia flex GNV+Diesel homologado pelo Inmetro e usará de forma inédita um motor Man Euro V. Além disso, a Man Latin America é a primeira montadora no Brasil a oferecer o sistema GNV+Diesel como item original de fábrica.
- O protótipo da Volks apresenta uma alternativa real para o diesel, reduz a utilização do combustível e a emissão de poluentes na atmosfera. Além disso, sendo movido à GNV e diesel, o ônibus não fica restrito a um único combustível, permitindo ao frotista revender o veículo em locais sem abastecimento de gás - disse Roberto Cortes, presidente da Man Latin America.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...